Blog ESSS

O maior arquivo de conteúdo sobre simulação computacional da América Latina.

Aprendizagem ativa em contextos de ensino remoto

Ensino & Pesquisa

O ano de 2020 ficará marcado pelas mudanças provocadas pela pandemia de Covid-19. As atividades de ensino foram algumas das mais impactadas, com uma aceleração forçada no processo de virtualização e digitalização dos cursos. Muitos professores foram obrigados a migrarem suas aulas para ambientes virtuais de ensino remoto do dia para a noite. Laboratórios, projetos de aplicação e trabalhos em grupo tiveram que ser completamente repensados. 

Se, por um lado, a pandemia forçou essas mudanças, também trouxe avanços importantes. Dois professores do Centro Universitário FEI, em São Bernardo do Campo, por exemplo, conduziram experimentos pedagógicos de aprendizagem no ensino remoto, utilizando ferramentas e atividades onde, mais que espectadores, os alunos foram protagonistas das aulas virtuais.

Gamificação e storytelling auxiliando o ensino remoto de materiais

Cada vez mais, recursos baseados em simulação computacional voltados ao aprendizado são utilizados em universidades do mundo inteiro. Sobretudo no ensino remoto, esses recursos pedagógicos são um importante auxílio para envolver os alunos e apoiar o aprendizado em vários temas e níveis do currículo de engenharia. Nesse contexto, os professores da FEI Patricia Schmid Calvão e Júlio César Dutra uniram a gamificação, o transmídia e o storytelling com a ferramenta GRANTA EduPack, um conjunto de recursos para o ensino de materiais, para enriquecer suas atividades virtuais.

“Nós, professores, temos que sair da zona de conforto e criar novas oportunidades para melhorar o aprendizado, nos aventurando em outras plataformas para estreitar a relação com os alunos.”
Dr. Júlio César Dutra, Professor – FEI

No primeiro experimento, os alunos criaram uma série de jogos utilizando estratégias de gamificação consistindo em perguntas e respostas sobre os conteúdos explorados em aula. A cada etapa, os níveis de desafio eram aumentados em jogos com temáticas como RPG e detetive. Esse formato interativo inovou na na avaliação, desenvolvendo conceitos da engenharia de modo contextualizado, provocando a criatividade por meio da participação ativa dos alunos. 

Jogo “Um caso materialístico”, criado durante o experimento de ensino remoto.

Jogo “Um caso materialístico”, criado durante o experimento de ensino remoto.

Ao mesmo tempo, foi possível comunicar-se com os alunos com uma linguagem mais informal, oferecendo novas experiências de aprendizado. A atividade fez parte do plano de ensino da disciplina de Estrutura dos Materiais. Uma pesquisa posterior mostrou um alto nível de aprovação deste tipo de recurso por parte dos alunos participantes.

O segundo experimento, intitulado “Desafio de Materiais”, trouxe para as aulas o universo dos super-heróis, em atividades baseadas em transmídia e storytelling. A partir de linguagens e histórias famosas e utilizando as redes sociais Facebook e YouTube, os alunos inicialmente produziram e adaptaram novas histórias a partir de um super-herói escolhido levando em conta as Propriedades dos Materiais. 

Vídeo produzido pelos alunos e postado no grupo da atividade no Facebook.

Vídeo produzido pelos alunos e postado no grupo da atividade no Facebook.

Numa segunda etapa, eles usaram a ferramenta GRANTA EduPack para maximizar ou minimizar os índices de materiais e as propriedades escolhidas para seu super-herói. Finalmente, em uma terceira etapa, os super-heróis tinham de enfrentar vilões que exploravam as fraquezas em determinado conjunto de propriedades. Os alunos tiveram de avaliar se seu super-herói poderia enfrentá-los. O projeto integrou as disciplinas de Materiais Metálicos e Materiais Poliméricos dos alunos do curso de Engenharia Mecânica da FEI, aumentando a imersão e promovendo o interesse contínuo, com uma resposta bastante positiva por parte dos alunos. 

A ferramenta GRANTA EduPack foi utilizada pelos alunos para o estudo de materiais.

A ferramenta GRANTA EduPack foi utilizada pelos alunos para o estudo de materiais.

“Utilizar novas ferramentas nos ajuda a prender a atenção dos alunos, um dos grandes desafios hoje em dia. O GRANTA EduPack foi muito interessante nesse sentido, trazendo conteúdo interessante e interativo para manter o aluno motivado.”
Dra. Patricia Schmid Calvão, Professora – FEI

 



Computer Simulation Specialists

Possui mais de 20 anos de atuação e reúne experiência e conhecimento em engenharia e ciência da computação, oferecendo ao mercado soluções completas em simulação computacional e desenvolvimento de software científico em engenharia. Destaca-se nas áreas de análise estrutural, fluidodinâmica, eletromagnética e simulação de partículas.


Ver mais postagens