Blog ESSS

O maior arquivo de conteúdo sobre simulação computacional da América Latina.

Manutenção preditiva: a prevenção de problemas como chave para indústrias mais sustentáveis e competitivas

Óleo e Gás Equipamentos Industriais Agroindústria

A manutenção preditiva é uma abordagem proativa que utiliza dados e análises avançadas para prever quando um equipamento ou sistema pode falhar. Envolve técnicas que ajudam a determinar a condição dos equipamentos em operação para prever quando uma manutenção deve ser realizada. 

Ao contrário da manutenção reativa, que responde a falhas depois que elas ocorrem, ou da manutenção preventiva, que se baseia em cronogramas fixos, a manutenção preditiva se antecipa aos problemas, permitindo que as intervenções sejam feitas no momento certo.

Dessa maneira, as empresas que adotam a manutenção preditiva podem evitar acidentes, reduzir drasticamente o tempo de parada de equipamentos e melhorar processos.

A simulação computacional é uma ferramenta que pode ser utilizada para processos de manutenção preditiva, que são capazes de fornecer insights precisos sobre o desempenho dos equipamentos e potenciais pontos de falha. 

Para entender como a simulação pode ser usada para prever o desgaste de equipamentos, confira o webinar Vida útil de produtos e equipamentos: como prever usando simulação.

Qual o objetivo da manutenção preditiva?

O objetivo da manutenção preditiva é monitorar o desempenho e a condição dos equipamentos durante a operação normal para reduzir a probabilidade de falhas. 

Isso permite que a manutenção seja planejada de maneira conveniente, minimizando qualquer tempo de inatividade ou custos inesperados e garantindo a máxima vida útil do equipamento.

Através da manutenção preditiva, é possível, por exemplo, mapear as zonas de desgaste em um equipamento e prever a troca da peça em determinado período. 

Veja mais sobre esse assunto no episódio Pequenas empresas, grandes simulações do podcast CAE Talks. 

Quais são os principais benefícios que a manutenção preditiva oferece?

Entre os benefícios da manutenção preditiva, as empresas podem otimizar suas operações, garantir mais segurança nos processos e eliminar custos desnecessários. Isso porque a antecipação dos problemas permite realizar intervenções quando necessário, evitando-se a manutenção excessiva. Por outro lado, impede que desgastes passem despercebidos, evitando acidentes. Outros ganhos incluem:

  • Diminuição do tempo de parada dos equipamentos
  • Evitar quebra e acidentes com equipamentos
  • Maior confiabilidade e disponibilidade de equipamentos
  • Otimização do planejamento de manutenção
  • Processos mais seguros 

Ademais, equipamentos operando de maneira eficiente e confiável resultam em uma produção mais consistente, minimizando perdas e maximizando a produção, o que leva a um aumento na lucratividade.

Manutenção preditiva em diferentes indústrias

Como vimos, a manutenção preditiva pode trazer benefícios importantes e promover maior competitividade para o negócio e é aplicável a diversas indústrias. Conheça alguns exemplos:

Indústria de óleo e gás

Para a  indústria de óleo e gás, segurança é a palavra-chave. Isto porque falhas e acidentes podem causar danos enormes e até mesmo irreparáveis. Por isso, a manutenção preditiva é frequentemente usada para prevenir acidentes, o que é possibilitado por soluções de monitoramento em tempo real, como é o caso das tecnologias de digital twins. 

A solução permite um acompanhamento rotineiro em tempo real de todos os parâmetros e indicadores industriais para identificar falhas, garantir a troca de peças e evitar possíveis paradas. 

Para entender melhor como gerenciar o custo e a complexidade de ambientes operacionais para a indústria de óleo e gás, considerando como prioridade a segurança, a confiabilidade e a gestão ambiental, acesse o ebook Soluções de simulação e conheça a nova era da indústria de óleo e gás.

Equipamentos industriais

Quando falamos de ambientes industriais, a gama de máquinas e processos é vasta, e a manutenção preditiva pode desempenhar um papel crucial em mostrar a hora certa de trocar peças, fazer limpeza e manutenção de equipamentos. 

Alguns exemplos incluem:

  • Motores e Bombas: Monitorar a vibração, temperatura e consumo de energia pode prever falhas iminentes.
  • Transportadores: Sensores podem identificar desgaste em correias e outras partes móveis.

Agroindústria

Na agroindústria, a manutenção preditiva é uma ferramenta valiosa para maximizar a produtividade e minimizar interrupções.

  • Colheitadeiras: Sensores podem monitorar a eficácia de lâminas e detectar desgastes nos sistemas hidráulicos.
  • Misturadores: Através do monitoramento de vibrações e temperatura, pode-se prever a necessidade de substituição de componentes.

Saiba mais sobre as aplicações e os benefícios da simulação computacional na agroindústria.

Energias renováveis

A manutenção preditiva é vital na indústria de energias renováveis, onde a eficiência e a continuidade são cruciais. Por exemplo, em uma turbina eólica, a simulação pode modelar como as lâminas responderiam a ventos de diferentes velocidades e direções, identificando possíveis pontos de falha ou desgaste acelerado.

Nesse caso, algumas aplicações podem envolver:

  • Turbinas eólicas: Sensores nas lâminas, engrenagens e motores monitoram o desempenho e ajudam a prever desgastes ou falhas.
  • Equipamentos de produção de biocombustíveis: Sensores monitoram temperaturas e pressões para garantir processos ótimos e identificar irregularidades.

Para saber mais sobre o uso da simulação computacional para otimizar equipamentos e processos da indústria de biocombustíveis confira o conteúdo Como maximizar a produção de etanol e outros biocombustíveis?

Mineração

Em ambientes de mineração, a manutenção preditiva ajuda a garantir a segurança e a eficácia operacional em equipamentos como:

  • Perfurações e brocas: O monitoramento pode detectar o desgaste prematuro e prevenir falhas catastróficas.
  • Moinhos e trituradores: Sensores identificam variações no desempenho, apontando para potenciais problemas em rolamentos ou lâminas.

A Fundición Ferrosa, por exemplo, investiu em simulação computacional para analisar projetos de peças de fabricantes de equipamentos originais e com isso, reduziu em até 80% os dias de desligamento de equipamentos por ano.

Como fazer manutenção preditiva em equipamentos? 

A simulação computacional desempenha um papel vital na manutenção preditiva, pois permite simular o comportamento dos equipamentos sob diferentes condições, identificando possíveis falhas antes que ocorram na realidade.

Nesse sentido, o software Ansys é uma referência em simulação computacional. Com uma ampla gama de ferramentas e módulos, permite a simulação de fluidos, estruturas, entre outros. 

A criação de digital twins para processos de manutenção preditiva melhora a produção e ajuda a encontrar a raiz de problemas de desempenho. Nesse caso, os processos são feitos em tempo real, o que evita acidentes e minimiza despesas operacionais. 

Para saber mais sobre a solução e como ela pode impactar o seu negócio com a implementação da manutenção preditiva, entre em contato com especialistas em simulação.

 



Computer Simulation Experts

A ESSS reúne conhecimento em engenharia e ciências da computação para oferecer, aos diversos ramos da indústria, as mais avançadas ferramentas e soluções em simulação numérica, auxiliando engenheiros e projetistas a tomarem melhores decisões nas diferentes etapas da vida de um produto ou processo (projeto, seleção de materiais, construção, troubleshooting, manutenção). É representante oficial Ansys em toda América do Sul.


Mais Conteúdos